A Síndrome de Pica é uma rara condição dos seres humanos, e se caracteriza por um apetite por substâncias não nutritivas.

Calma pessoal, se você veio achando que seria uma postagem obscena, posso garantir que não. A Síndrome de Pica é basicamente uma doença que afeta principalmente em gestantes e crianças,  consistem em criar desejos compulsivos por objetos não comestíveis, como cabelo, cola, terra, vidro e madeira.
A Síndrome de Pica, também conhecida como Alotriofagia, é simples de ser diagnosticado, e se essa condição durar por mais de um mês o tratamento deve ser tratado como alotriofagia. Existem algumas outras situações em que pessoas tem costumes de ingerir tinta, e até mesmo o canibalismo.

Entretanto, não exitem exames que possa diagnosticar a Síndrome de Pica, em muitos dos casos, pode ser associada à má alimentação e baixa nutrição, devem ser feitos exames de sangue para conferir os níveis de ferro e zinco, e são realizados testes de anemia.

Uma mulher que sofria do Síndrome de Pica, comeu mais de 20 sanduíches feitos com duas fatias de esponja de lavar louça com recheios de areia, o caso ocorreu na Inglaterra.

síndromeSegundo os médicos a Inglesa sofreu a Síndrome no período de sua primeira gravidez, segundo ela o desejo de ingerir alimentos não comestíveis começou com cinco meses de gestação. “Eu sempre acordava com um gosto estranho na boca, e tinha um desejo que não sabia o que era, até ver a areia de fezes do meu gato de estimação” explicou ela.
Quando a areia parou de satisfaze-la passou a se alimentar com esponjas de louça. “Tudo começou após a minha refeição de final de semana, fui lavar a louça e sentir um cheiro ótimo, e não sabia de onde vinha, até perceber que vinha da suculenta esponja” explicou em sua entrevista.

Continue com a gente, sem perder nenhum conteúdo, curta nossa pagina do Facebook. Curta> Nem Me Viu.

Comentarios

Comentarios